#blacklivesmatter: famosos e anónimos nas ruas

MEGA HITS
01/06/2020
PUB

Várias celebridades norte-americanas saíram à rua este fim de semana e juntaram-se aos protestos que ocorrem nos Estados Unidos desde a última quinta-feira, contra a morte de George Floyd, o homem negro sufocado até a morte por um polícia branco.

Ariana Grande (na foto) e Halsey foram duas das participantes que, inclusivé, publicaram stories no Instagram na linha de frente das manifestações. Halsey denunciou a violência policial ocorrida contra as pessoas que estavam a protestar pacificamente em Los Angeles e contou que chegou a ser atingida por disparos.

Em Minneapolis, onde George foi assassinado, Jamie Foxx e Nick Cannon participaram nas manifestações. Foxx viajou até lá para se juntar aos líderes comunitários e ativistas sociais.

O ator e comediante Nick Cannon publicou uma série de fotos com uma camisola estampada com a frase “Por favor, eu não consigo respirar” (dita por Floyd enquanto o polícia o sufocava).

YUNGBLUD, Kali Uchis, Melanie Martinez, Tinashe, Ross Lynch, Camila Cabello e Shaw Mendes também saíram à rua em protesto.

Os protestos começaram na quinta-feira (28) e espalharam-se por mais de 30 cidades norte-americanas. Três pessoas morreram e cerca de 1.669 foram presas em 22 cidades, de acordo com a Associated Press. Quase um terço dessas prisões ocorreu em Los Angeles, onde o governador declarou Estado de Emergência e solicitou o apoio da Guarda Nacional.